IMPLANTE DE SILICONE (AUMENTO DE MAMA)

IMPLANTE  DE SILICONE (AUMENTO DE MAMA)

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

O implante de silicone ou aumento de mama, é uma das cirurgias estéticas mais realizadas mundialmente, com seu número aumentando a cada ano. A grande maioria dos estudos demonstra que este procedimento alcança um dos mais altos índices de satisfação das pacientes. Os resultados deste procedimento melhoraram muito, tanto em relação à melhora das técnicas cirúrgicas como da melhor qualidade dos novos tipos de implantes disponíveis.

As pacientes candidatas a este procedimento são, geralmente, aquelas que apresentam mamas pequenas, com ou sem assimetria, pacientes que emagreceram ou após a gestação, quando pode haver perda do volume mamário. A cirurgia de aumento da mama também pode ser realizada associada à correção da ptose mamária ou “mama caída”. Cada paciente apresenta um tipo particular de conformação corporal e deve ser avaliada individualmente para a escolha do melhor tipo de implante, da melhor técnica cirúrgica e da melhor via de acesso para a colocação do implante (incisão).

As vias mais utilizadas são a inframamária, a peri-areolar e a axilar (colocação do implante com o auxílio da endoscopia, sem deixar cicatrizes nas mamas). Através de qualquer uma destas vias, o implante pode ser colocado subglandular ou submuscular. O procedimento é realizado com anestesia geral ou anestesia local e sedação, e o resultado já pode ser observado logo após o procedimento, levando em consideração que sempre haverá edema (“inchaço”) e eventualmente equimoses (“roxos”).

O resultado final é considerado após 6 meses. É importante ressaltar que, após várias décadas de experiência e de estudos científicos realizados, não existe nenhuma evidência de que o implante de silicone possa causar doenças mamárias malignas (câncer de mama); portanto, é considerado seguro e aprovado mundialmente para uso estético e reparador.

 

Anestesia

Nas cirurgias de mamoplastia de aumento as modalidades anestésicas mais utilizadas são a anestesia local e sedação e a anestesia geral.

Cicatriz

A mamoplastia de aumento apresenta normalmente três tipos de incisõescicatrizes. Podem ser posicionadas na região axilar, na região periareolar ou no sulco submamário

Cuidados

São necessários cuidados com a troca de curativos, uso de medicamentos como antibióticos e analgésicos, acompanhamento e retornos periódicos.

Pós Operatório

O paciente poderá realizar a maior parte de suas atividades cotidianas, lembrando é claro de seguir as recomendações de não pegar pesos, manter a movimentação de braços dentro dos limites recomendados e seguir as orientações médicas.

 

Entre em contato: