Notícias do blog

Cirurgia plástica da intimidade melhora autoestima e diminui desconforto feminino

A cirurgia plástica da intimidade ou ninfoplastia é indicada para mulheres que se sentem desconfortáveis com a sua aparência íntima, e as razões mais comuns para quem busca esse procedimento são o excesso do tamanho dos lábios pequenos ou grandes, ou o volume excessivo do púbis. Resolver estes problemas é simples, o que pode fazer a mulher retornar ao seu estado de equilíbrio psicológico.

No caso do púbis, costuma ser a melhor solução fazer uma lipoaspiração de gordura local. Já a correção dos lábios é feita por meio de uma cirurgia simples, com anestesia local, e algumas pacientes podem receber alta no mesmo dia. O excesso de muco também é retirado e o fio de sutura com absorvível cai espontaneamente.

Esses tipos de cirurgia são bastante comuns, e algumas mulheres admitem se sentir confortáveis em admitir que desejam melhorar a estética da área vaginal. Quando os pequenos lábios são maiores do que deveriam ser, indo além dos grandes lábios, eles não só prejudicam a autoestima feminina, mas o seu desempenho sexual e, especialmente, a sua autoconfiança.

O que é o rejuvenescimento labial?
A labioplastia é um procedimento de cirurgia plástica que envolve a redução ou reformulação dos lábios vaginais externos, ou pequenos lábios. A decisão de se submeter ao rejuvenescimento labial é muito pessoal, e é tomada, muitas vezes, para melhorar a aparência íntima e aumentar o conforto durante as relações sexuais e outras atividades físicas.

O rejuvenescimento labial é um procedimento cirúrgico relativamente simples que produz resultados de melhoria permanentes. A cirurgia geralmente dura 1 a 2 horas, tempo durante o qual a paciente é colocada sob anestesia local ou geral. O cirurgião plástico, em seguida, remove o tecido da pele em excesso a partir dos lábios para criar o tamanho desejado e forma antes de fechar as incisões.

Os tempos de recuperação típicos para a labioplastia podem variar, mas, em média, as mulheres retornam à sua rotina diária regular em 2 ou 3 dias. Além disso, as pacientes são aconselhadas a abster-se de atividade extenuante e relações sexuais e não usar absorventes internos ou duchas durante 3 a 6 semanas após a cirurgia.

Se interessou pelo procedimento? Clique aqui e marque sua avaliação com o Dr. Vinícius Melgaço!

Entre em contato: